Confira os resumo das novelas da Record para essa sexta 08/12

[Bicho do Mato – 08/12]

Iru e Juba se separam. Jaci coloca um galho na frente do tornozelo de Brandão que tropeça e cai, o capanga cai em cima dele. Leo pega um punhado de terra e joga nos olhos deles. Jaci e Leo fogem. Juba chega, segura uma pedra escondido e pergunta para Brandão quem mandou matar Fernando. Brandão não diz. Juba atinge a cabeça de Brandão com a pedra. Iru segura o capanga. Eles correm. Brandão atira, mas erra. Laura fala para Ramalho que descobriu tudo sobre o adultério e pede a separação

[Ribeirão do Tempo – 08/12]

Joca foge dos agentes da Polícia Federal. Léia fica histérica e possessa com Ajuricaba por ter acusado seu filho. Jairo e outros agentes atiram contra Joca, que tenta revidar, mas sua arma está descarregada. Ele pula um muro e corre aparentemente ferido para a mata. Léia grita desesperada e desmaia no colo de Ajuricaba. Os agentes acham uma poça de sangue e a arma. Eles seguem pelo matagal à procura de Joca. Jairo comunica que Querêncio e os outros estão liberados e podem ir para casa. O agente diz que já tem um suspeito e que provavelmente já o capturaram. Virgínia procura por Ajuricaba, que saiu sem avisar nada. Repórteres pedem informações a Marta e ela diz que a investigação está sendo feita pela Polícia Federal.

Ajuricaba chega à delegacia e diz aos repórteres que os federais já sabem quem matou o presidente. Ajuricaba conta a Marta que Joca é o suspeito. Marta acha absurda a acusação e o delegado dá o assunto como encerrado. Tito conta a Filomena que a pousada está perdendo hóspedes por causa do assassinato. Jairo anuncia à imprensa que Joca é o principal suspeito. Léia fica aflita ao ver a foto de Joca na televisão como um procurado e Sancha tenta acalmá-la. Flores, Nicolau e Karina comemoram a morte do presidente. Newton se revolta com a notícia de que Joca é suspeito e Ellen tenta acalmá-lo.

Querêncio conta a todos do Solar que Joca está sendo acusado de matar o presidente. Diana chora com medo de que machuquem o detetive. Arminda pensa em uma forma de ajudar Joca a se livrar da acusação. Beatriz delira sobre a morte do presidente, dizendo que ele foi enforcado. Nicolau diz para Larissa dar um calmante forte a ela. Larissa comenta que Nicolau recebeu ligações de pessoas importantes elogiando o seu discurso. O senador diz que irá à Brasília. Karina diz a Nicolau que ainda está nervosa por ter colocado o veneno na cachaça do presidente. Excitados com o feito, os dois começam a se despir.

Arminda e Diana conversam aflitas sobre a situação de Joca quando Elza anuncia que agentes da PF estão à porta. Jairo anuncia que fará uma busca na casa e que ninguém pode impedi-lo, por ter um mandado judicial e se tratar de um caso de segurança nacional. Iara avisa a Tito que Filomena chegou à pousada e está conversando com Mateus. Tito fica irritado por Filó não ter ido conversar direto com ele e Iara tenta aliviar. Tito é ríspido com Filomena e dá um fora em Mateus. Ajuricaba reclama que os agentes usaram sua sala e nem agradeceram.

Marta recebe uma ligação de Arminda, que quer marcar um encontro para tentar ajudar Joca. Ajuricaba volta para casa e pergunta a André o que o Comando Invisível está dizendo sobre o Joca. Ele diz que não viu nada sobre o detetive. Flores conversa com o General. Pela primeira vez, ouve-se a voz dele. Filomena reclama com Tito da forma como ele falou com Mateus. Arminda começa a conversar com Marta e diz que Joca é inocente.

[Os Dez Mandamentos – 08/12]

Oseias troca um olhar decepcionado com Calebe com a descoberta. Judite tenta consolar Ana e a jovem revela estar apaixonada pelo hebreu. Gahiji e Chibale ouvem, impactados, as ordens que Ramsés dá a Bakenmut para punir Oseias. Ikeni vai até a casa de Joquebede para cumprir as ordens do faraó e Oseias não demonstra resistência. Ele é colocado exposto, com os pés e mãos amarrados, para sofrer até a morte.

Anrão não aceita a situação e vai até o palácio falar com o faraó. Ramsés é avisado por Bakenmut e Ikeni sobre a presença de Anrão. O faraó manda expulsar o hebreu, mesmo com os pedidos de Henutmire para apenas ouvi-lo. A família de Oseias assiste o sofrimento do rapaz sem nada poder fazer. Eliseba se desespera e tenta dar água ao filho, mas é impedida por um oficial. Henutmire vai até o portão do palácio ao encontro de Anrão e ouve com surpresa o pedido do hebreu.

[Belaventura – 08/12]

Fernão encara Otoniel, que tem a identidade escondida sob a máscara de ferro. O corpo do soldado morto está no chão. Pietra grita por socorro que continua sendo atacada pelo médico da peste. Mistral chega e vê Biniek e já desembainha a espada e pede para que se afaste da rainha. Enrico entra na sala do trono de Valedo e questiona Severo sobre o massacre na Vila. Carmona diz a Lizabeta que vai embora novamente. Fernão golpeia Otoniel que cai. Severo pede para falar a sós com Enrico e pede que Cedric, Accalon e Jacques esperem do lado de fora. Enrico propõe uma trégua a Severo. Pietra diz à Dulcinéa que tem certeza que tentaram matá-la. Pietra diz que não está louca e Bartolion diz que acredita nela. Bartolion pede à Pietra que conte tudo o que aconteceu. Severo concorda com a proposta de Enrico. Fernão já entra furioso, carregando Otoniel, que usa a máscara de ferro. Tácitus caminha com Daros pela vila e comenta sobre o comportamento de Carmona.

Selena comenta sua decepção com Jacques por ele ter passado para o aldo de Enrico. Marion agradece Joniel por ter salvado Arturo. Marion diz que agora que não tem mais a proteção do rei Severo, que irá resistir e lutar para reconquistar o que lhe pertence. Arturo está irritado, conversando com Brione e Gonzalo e diz que quer ir embora da casa de Joniel. Joniel conta que Arturo é seu filho e ela não acredita. Joniel diz que Arturo tem uma marca de nascença igual a dele e mostra à Marion que se surpreende. Gonzalo diz à Brione que assim que Arturo se recuperar dos ferimentos, que eles irão embora para outro lugar e seguir suas vidas. No castelo de Valedo, Enrico caminha seguido por Accalon e Jacques. Eles se deparam com Otoniel com a máscara de ferro, sendo levado por um soldado.

Selena fica irritada com Fernão que não descobriu quem era o prisioneiro. Fernão diz que não dava para saber pois estava usando a máscara de ferro. Severo está sentado em seu trono diante de Cedric e Nodier. Nodier diz que foi muito arriscado ter pai e filho lado a lado no castelo. Dulcinéa conversa com Pietra como se ela estivesse no quarto e diz que está muito frio, quando Dulcinéa vai fechá-la e se dirige à Pietra, ela não está na cama. Pietra chega num campo florido, tensa. Ela tem uma mensagem na mão e lê. Pietra olha para as flores, emocionada. Pietra avista o médico da peste se aproximando, ela se espanta. Pietra se volta para trás, rapidamente, vendo que é Lucy que está ali, emocionada ao vê-la. Na surpresa de Pietra diante da mãe.

[Apocalipse – 08/12]

Em conversa com Verônica, Giancarlo diz que Stefano pode ser uma má influência para Ricardo. Lia não reconhece o neto Benjamin. Oswaldo vai até o hospital e encontra Sandra nas últimas. Antes de morrer, ela se desculpa com ele e revela o paradeiro do filho Tiago. Cesar, filho do policial Luis, pratica tiro ao alvo e conversa com Guido. Guido diz que Luis ficaria orgulhoso de ver o filho atuando na mesma profissão. Ricardo é mal-educado com Glória. Oswaldo vai até um local de venda de drogas e encontra o filho Tiago se drogando. Ele tenta falar com o rapaz, mas é mal recebido por ele. Benjamin cuida de Lia. Enquanto conversa com a neta Zoe, Teresa se sente mal. Giancarlo conversa com Stefano e pede para o sacerdote chefe se afastar de Ricardo e de sua família

Leia Mais: http://www.resumodenovelas.net/2017/12/Resumo-Novela-Apocalipse-04-a-08-Dezembro.html#ixzz50UEM2pVK