Felipe Titto ganhou 3 quilos para novela: ‘Focado no treino e dieta mais frouxa’

Felipe Titto contou que precisou ganhar três quilos para a novela 'O Outro Lado do Paraíso': 'Acabei comendo mais carboidrato e aumentei no tamanho'

No ar em “O Outro Lado do Paraíso” como Odair, um ajudante do salão de Nicácio (Fábio Lago), Felipe Titto contou que precisou engordar par causa do papel na trama das nove. “Ganhei três quilos. Estou focado no treino e com uma dieta um pouco mais frouxa. Aí acabei comendo mais carboidrato e aumentei no tamanho. E no vídeo imprime grande. As pessoas costumam chegar em mim e dizer que acreditavam eu ser maior”, disse ao Purepeople , na noite do último sábado (2), durante a gravação do DVD “Proparoxítona”, de Whindersson Nunes, na Jeunesse Arena, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Ao ser perguntado sobre relacionamentos, o ator, apontado como affair de Cleo Pires, não escondeu o jogo: “Estou solteiro e estão me pedindo para lavar um cabelo (risos). Mas a gente tira de letra essas brincadeiras. Gosto desse assédio. A galera é muito respeitosa e dá tudo certo.”

Ator conta detalhes de seu personagem

Felipe falou ainda que história de seu personagem vai se desenrolar aos poucos. “Caí em um núcleo abençoadíssimo que é o do salão. O Fábio e a Telma são ótimos atores e eles jogam muito bem. E o personagem é bem cobiçado por conta do corpo sarado, mas vão acontecer umas coisas mais para frente”, afirmou. Separado desde o fim do casamento com a arquiteta Mel Martinez, com quem que se relacionou por seis anos, Titto comentou o fato de seus trabalhos serem sempre ligados ao corpo sarado: “Se eu fosse um cara que não tem um shape legal, nego certamente me colocaria para fazer outras coisas. Mas, como eu treino e consequentemente meu shape está em ordem eles fazem questão de usar isso. Se traz um retorno bom, tudo certo. Trabalhamos com número e a televisão também. Eles usam o que trás retorno de audiência. Se o cara não tem um shape legal e não é um bom ator se coloca ele para falar um pouco mais que o normal e assim as coisas acontecem.”

Galã fala sobre criação do filho: ‘Levo e busco na balada’

Pai de Theo, de 13 anos, Felipe exaltou a relação com o filho. “Ele já está indo para a balada. Outro dia o levei para a matinê e dá uma apertada no coração quando se pensa: cresceu! E analiso que estou velho (risos). E sou o pai que leva e busca na balada. Não posso vetar ele de ter uma vida na linha que eu tive por conta de todos os problemas de falta de segurança. Fé em Deus e ajudo a selecionar melhor os lugares que ele vai, é isso. Ele já treina circo há três anos e tomara que siga a mesma linha que eu”, declarou o artista, que lançou coleção de roupas no início do ano.